<$BlogRSDUrl$>

Um site para pensar sobre tudo e chegarmos sempre a um singular pensamento final: sabermos que nada sabemos.
_____________________________

Tiago Pimentel
Críticas dos leitores para: tiago_pimentel@hotmail.com

quinta-feira, outubro 11, 2007





O último número da Premiere


Não é fácil assistir ao fim de um projecto ao qual pertencemos, seja ele qual for. No meu caso, como colaborador da revista Premiere, custa-me vê-la desaparecer desta forma. Ao fim de 8 anos e de ter conquistado uma posição estável no nosso mercado, a Premiere contava com a fidelidade de muitos leitores que, mesmo pertencendo a um nicho, não deixavam de justificar a edição do mês seguinte. E este sentimento de pertença é importante convocar, para não cairmos no erro de defendermos apenas números de forma mais ou menos abstracta. Ou seja, por trás desses números estão pessoas que seguiam a revista mensalmente e justificavam o trabalho e dedicação da equipa editorial e redactorial todos os meses.

Por trás dos números estava um público que, mesmo pertencendo a um nicho, assumia a sua própria pluralidade: onde uns procuravam as últimas novidades sobre os projectos cinematográficos em desenvolvimento, outros liam os textos de alguns autores que seguiam atentamente, sobrando ainda muito espaço para quem procurava informação útil sobre o ensino de cinema, escolas de realização, produção, imagem e som. A revista, antes do mais, assegurava esta pluralidade, oferecia aos seus leitores diversas razões para se manterem atentos, mês após mês. E é esta pluralidade e serviço que devemos sempre relembrar quando falamos de números e da revista Premiere.

Será possível chegarmos a uma altura em que não existe uma revista de cinema em Portugal? Pior, uma altura em que foi extinguida a revista de cinema que vigorava em Portugal há 8 anos. Por não haver necessidade de existir? Ou por ser demasiado fácil extingui-la? Ou por uma outra qualquer razão que a própria razão parece desconhecer. Seja como for, e falo neste momento enquanto cinéfilo e leitor ávido de qualquer forma escrita de cinefilia que me pareça interessante, creio que o país tem um público que intensifica os seus próprios nichos. Isto é, exigirá novas formas escritas de cinefilia que possam ir além de espaços bloguísticos como este. Afinal de contas, a Internet ganhou o seu lugar mas não desocupou o lugar da escrita tradicional. Existe no papel (sobretudo em revistas) um sentimento de pertença que escreve um pouco da nossa própria história. E, neste momento, seguramente que quem comprou o número 1 da Premiere poderá convocar essas memórias e esse carinho de efemeridade para si mesmo. O fim, diz o conhecimento popular, tem de chegar um dia. Goste-se ou não, era a única revista de cinema em Portugal.

4 Comments:

Blogger Gustavo H.R. said...

Que péssima notícia!
Sequer sou de Portugal, mas compro-a desde 2000 e sou assinante há quase 2 anos, devido à altíssima qualidade e à profundidade das análises dos críticos, algo que não encontro em publicações brasileiras do gênero.
Nem posso imaginar a reação dos cinéfilos portgueses que apreciavam o trabalho dos senhores.

6:03 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

tambem lamento o anunciado desaparecimento da premiere que eu compro com frequência no Rio de Janeiro. Grande perda

4:49 da tarde  
Blogger Pedro Afonso said...

Eleição do Filme do Ano e Filme de Animação 2007

Caros leitores, á semelhança do ano passado, foi lançado hoje uma votação do "Filme do Ano", com uma lista dos filmes que consideramos ser os melhores de 2007, incluindo também este ano votação para o melhor filme de animação do ano (ver canto esquerdo). A lista tem os títulos somente em inglês para que os cibernautas de outros países possam também dar o seu voto. Podem só votar em um filme.

Pedro Afonso
(Responsável do blog - http://trailersblog.blogspot.com/)

Movie Of The Year and Animation Movie 2007
Like we made in last year, we put in this blog a web poll for the people vote in the "Movie Of The Year". And this time, you can vote also in the best "Animation Movie" of this year (in your left side).

Pedro Afonso
(The Blog Responsable - http://trailersblog.blogspot.com/)

5:10 da manhã  
Blogger Wellington Almeida said...

Olá Tiago,

Faz um bom tempo que eu não pisava por aqui...bom saber que os teus bons textos continuam e espero que voltes a actualizar o blogue com mais frequêcia.Estes dias revi «Sinais» e lembrei-me que tu era um apreciador do filme, e com razão.

Um gde abraço.Bons filmes e bom 2008!

2:03 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?